Eu quero sossego

Resultado de imagem para sossego

 

Publicado em 19 de set de 2012

Por que uns nascem para trabalhar e outros não?

Destino? Sina? Ou um sistema explorador que separa as pessoas em classes sociais?
Não! Não! O poeta não entra nessa discussão. Mas o que ele quer é sossego! Não o amole com esse papo de emprego!

DEU! Chega de dia de luta!

Quero um dia de descanso, de paz, de conversas, de músicas, de risadas abertas e sinceras, um dia inteiro de confraternização!

Chega de dia de luta! Chega de atos públicos, de audiências, de reuniões intermináveis, chega de carrancas! Quero um dia-noite suave, com murmúrios, com vagares, com vinhos e carícias inclusas…

Chega, por favor, basta de discursos, de compromissos, de chateações, de discursos universitários, de grandes propósitos, de constrangimentos obrigatórios e ocasionais!

Quero oxigênio, quero alegria, menos ruído, menos desgaste, menos explicações, menos rodeios, menos argumentos, menos circunlóquios, e muito, mas muito mais vida! Hilton Besnos

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s