Não há noites sem lua

Não há noites sem lua,

nem palavras sem significados

Sem sentido muitas vezes somos nós (e é bom!)

A uniformidade é chata

Esperamos o mocinho que nos salvará,

como em um filme de cowboy

(existem ainda filmes de cowboy?)

Se o herói não nos encontrar em tempo

Consolemos-nos olhando as noites e aguardando

Os luares seguintes

HILTON BESNOS

 

Anúncios

Um comentário sobre “Não há noites sem lua

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s